Jararaquinha

Thamnodynastes nattereri - Jararaquinha - Foto do Daniel Gonzaga que chegou pelo WatsUpp

Thamnodynastes nattereri – Jararaquinha – Foto do Daniel Gonzaga que chegou pelo WatsUpp

E o dia começou com o WatsUpp bombando de mensagens:

“_Cobra no Arboreto!”

“_A cobra está no Bromeliário…”

“_O pessoal tá preocupado, faz o que?”

“_É uma jararaca.”

Nesse instante meu corpo gelou no engarrafamento matinal diário:

“_Ai! Jararaca no Bromeliário… Chamo os bombeiros? Peço pra sair? Enfrento o medo?”

E já fui fazendo planos: “Vou chegar e colocar perneiras. Melhor colocar um par de perneiras nos braços, também. Será que atrapalha pra eu me movimentar?” …

Pois é. Tenho um pouco (muito) medo de cobras…

Liguei para o meu fiel escudeiro para assuntos de Herpetologia, o Marco Kato, que atendeu com voz de gripe… Disparei: “_Quer brincar de Jararaca?”

Em menos de 10 minutos o coitado já estava a caminho do JB.

Eu já estava no Canal do Leblon, parada no sinal quando chegou a foto e a mensagem. “_Já peguei.”

O Guarda Daniel Gonzaga, que me mantinha informada da ação no JB enviou a foto de uma cobrinha mini e magrela, dentro de uma garrafa de refrigerante vazia. Ok. Um alívio percorreu meu coração: um filhotinho pequenino. Mas não era só um filhote… Era uma falsa jararaca.

Alguns animais se parecem com animais perigosos… Isso é uma espécie de defesa contra predadores. Deliberadamente exibem padrões que imitam animais que são naturalmente evitados, pegando carona nessa propaganda.

Aí o Marco já estava a caminho e foi assim mesmo. Buscamos a cobrinha e conversamos como Daniel Gonzaga, que contou que o Rogério Matheus, Jardineiro experiente, morador dessas bandas desde sempre, nascido e criado nas trilhas do horto, tinha resolvido o problema.

Thamnodynastes nattereri - Jararaquinha - Foto: Marco Massao Kato.

Thamnodynastes nattereri – Jararaquinha – Foto: Marco Massao Kato.

E conversando com o Rogério, ficamos sabendo: a cobrinha estava no morrote, logo atrás do Gabinete. Todo mundo achando que era uma Jararaca e ele, conhecedor dos bichos daqui, catou a bichinha e salvou-lhe a pele. Assim, pura e simplesmente: pegou a bichinha com a mão, disse que não era uma jararaca coisa nenhuma, mas, mesmo que fosse, ninguém tinha o direito de machucar a cobra, botou na garrafa e entregou pro guarda. Pois é. Tem gente que realmente não tem medo de cobra!

Thamnodynastes nattereri - Jararaquinha - Foto: Marco Massao Kato.

Thamnodynastes nattereri – Jararaquinha – Foto: Marco Massao Kato.

E o Marco, cientificamente, explica: A serpente encontrada é uma Thamnodynastes nattereri, de pequeno porte podendo chegar ao máximo de 70 cm, é pouco corpulenta, com uma cauda fina. Por sua coloração e pela falta de conhecimento pode ser confundida com espécies como Jararaca (Bothrops sp.). Ocorre do nordeste ao sul do Brasil além do Paraguai, Argentina e Uruguai, ela costuma viver em áreas abertas e com vegetação baixa, se alimenta de anfíbios e pequenos lagartos. Quando ameaçada ela costuma achatar dorso ventralmente, tentando parecer maior e se lançando com a boca aberta na direção do predador ou por vezes os humanos desavisados que atravessam seu caminho. Possui peçonha, mas não causando grandes complicações para humanos, além de ardência no local da picada.

Pelo nome popular, não dá pra não simpatizar: Come-lesma…

Pois é, por essas e (muitas) outras que não devemos nos instalar nos canteiros, fazer pck-nicks, abraçar árvores, cutucar as plantas… pode ser só uma jararaquinha… mas, e se…?

 

 

Anúncios
Esse post foi publicado em A Fauna do JBRJ, Animais atendidos, Repteis e marcado , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Jararaquinha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s